terça-feira, 20 de maio de 2008

20 de maio






Atrás, com aquela letra bem desenhada de antigamente, aos quase 25 anos de idade, minha avó escreveu essa dedicatória:

Ao meu querido Belmiro, com grande amor, ofereço esta pequena recordação de sua noiva que muito lhe preza,

Lindinalva Florencio
10 de Fevereiro de 1942


É certo que havia a guerra, mas quem se importa com isso quando escreve coisas de amor?

Hoje, 20 de maio, essa jovem completaria 91 anos de idade. E agora eu, sua neta, é quem lhe escreve em tempos de aparente paz.

5 comentários:

Nei Schimada disse...

Rapaz, tudo isso envolvido nisso tudo é muito lindo.

Kenia Mello disse...

Ou não.

Nei Schimada disse...

Pegou o espirito da coisa pelas orelhas!

Kenia Mello disse...

Isso é bom ou ruim?

Nei Ken iti disse...

Isso é isso que é isso e é isso.