segunda-feira, 8 de setembro de 2008

Dias assim



Tem dias que você acorda e o seu coração está tão pisado, tão mutilado que você nem sente o passar das horas tão concentrada que está em não deixá-lo arrebentar por completo. E respirar fundo já não dá conta, você toda já não dá conta, a vida é grande demais para se dar conta. Você se enrodilha num canto e olha impotente para a verdade áspera, com uma agonia sem nome, com um grito entalado na garganta e espera uma simples palavra que poderia mudar tudo, mesmo sabendo que ela nunca virá.

Miguxa sabe que zinha é uma filha da puta que me sacaneou (e sacaneia quando tem oportunidade) desde a pedra lascada. Miguxa sabe que zinha usa as pessoas e depois joga fora sem cerimônia, bem graduada que foi na escola da calhordice. Miguxa sabe de tudo, de tudo mesmo. Miguxa soube do meu desespero e da minha impotência diante da possibilidade de perder o melhor que tive na vida e sabe que zinha contribuiu para esse momento fazendo com que ele fosse mais devastador ainda. Miguxa sabe. Miguxa entende de vampirismo também, mas se faz de desentendida. Miguxa insiste em trazer notícias de quem abriu um fosso no meio do mundo e escorregou nele para sempre. Sim, Miguxa, você também é uma grandissíssima duma filha da puta.

Falando em passarinho, vi uma propaganda massa de toalha na televisão. Manhãzinha, quarto iluminado, a moça se arruma para ir pro trabalho. Daí que entram uns passarinhos pela janela e arrumam a cama e trazem a bolsa da moça e fazem mil coisinhas, aquela cena mesma da Cinderela. E a musiquinha suave tocando e a felicidade no ar. A moça vê tudo pronto, está na hora de sair. Com cara de peste, bate palmas com força afugentando os passarinhos janela afora. Adorei. Fiz a minha catarse. Cansei de ser passarinho.

E Vizinho de Cima está tão calmo, quieto e reflexivo que, de dois, um: ou está viajando ou eu sou boa de praga mesmo.

Ah, os passarinhos estão indo e voltando, já virou casa da mãe joana para alegria geral.

9 comentários:

Patricia Daltro disse...

Por pior que sejam, dias assim sempre passam. E, a calmaria chega, mesmo prenunciando tempestades, às vezes é o tempo que precisamos para espantar as miguxas e zinhas e abrir janelas para os passarinhos. E, sabe de uma coisa? não há nada errado em ser passarinho!
Bjs

Pernambucobebendoparaomundo disse...

Tsc tsc tsc, Segunda feira, dia de exorcizar...

kjwysu

Anônimo disse...

tem umas miguxas q eu vo te contar viu?rsrsrs
E ainda bem q Vizinho de Cima está calmo,deve está pressentindo q a coisa pode piorar pro lado dele!rsrsrs

Bjos e []s e muitos passarinhos

Ivette Góis

Lilás disse...

Essa zinha é umazinha mesmo, mas a miguxa, sei não...deve ser igual à talzinha...tudo zinha do mesmo saco.

Ah, eu sei qual é a propaganda! É de edredons e colchas e também achei linda.

Enfim, os passarinhos chegaram!
beijo carioca

Lilás disse...

Keniaaaaaaaaaaa,
Dá uma olhadinha neste meu último post. Vc vai gostar.
bjks

Nei Ken iti disse...

Miguxa... Zinha.
Elas passarao; voce passarinho!

(Via Mario Quintana foreva!)

Kenia Mello disse...

Patrícia, as miguxinhas em geral já foram bem espantadas, mas as bichinhas não se mancam e às vezes insistem em dar uns rasantes. :)

Gio, quando eu achar uma vida perfeita, roubo e posto aqui toda segunda-feira.

Ivette, foi só eu dar confiança que ele resolveu fazer serão de ontem pra hoje... :(

Beth, bota farinha do mesmo saco nisso!

Nei, sim, foreva! :)

jose luis disse...

o vizinho morreu?

nora borges disse...

miguxa é o bicho!