sexta-feira, 17 de julho de 2009

Leite Derramado (Chico Buarque)






Resenha em um mísero parágrafo:


Velho centenário e esquizóide, em um corredor de hospital do SUS, relembra as glórias e os brasões de sua tradicional família, embalado pelo efeito cumulativo e alucinógeno dos chifres colocados pela ex-mulher, e morre, finalmente.

5 comentários:

Varjal disse...

Que malvadezaaaaaaaaaaaaaaaaa.Eita mulher sem coração!, como diz Jõao Grilo..

Beth/Lilás disse...

Este será meu próximo Romance, mas ainda não terminei os dois que ando a ler bem devagarzinho.
Gosto assim.
bjs cariocas

Punksauro Nei disse...

Isso. Sem muitas loas só porque é o Chico.

Anônimo disse...

gostei da análise bem sucinta!
acabou com o livro!rsrsrsrs

Bjos e []s

Ivette Góis

jose luis disse...

voce acaba de derramar o leite
eu estou comecando a ler
mas ta' perdoada